NO AR

Rádio Ponte FM 98.5

pontefm98.com

Brasil

'Ela era só emprestada, ela era de Deus': mãe de mulher morta pelo ex-namorado em Caruaru desabafa

Débora Siqueira de Arruda, de 21 anos, foi morta com um tiro pelo ex-namorado, um policial militar

Publicada em 19/05/2022 às 09:41h - 40 visualizações

por Suzyanne Freitas/tv jornal


Compartilhe
 

Link da Notícia:

A mulher foi morta com um tiro pelo ex-namorado, um policial militar  (Foto: Reprodução/Divulgação/Facebook)

depoimento da mãe de Débora Siqueira de Arruda, de 21 anos, que foi assassinada pelo ex-namorado, um policial militar, nessa quarta-feira (18), em Caruaru, foi bastante comovente.

No velório, a mãe da vítima concedeu entrevista exclusiva a repórter Renata Araújo, da TV Jornal Caruaru.

Muito abalada, Lúcia Cristina Arruda de Siqueira Araújo desabafou e contou que a filha era o seu bem mais precioso.

Durante a entrevista, Lúcia falou também sobre a perda do seu esposo recente e, agora, de sua filha. Forte, ela disse que a sua filha era apenas emprestada, pois ela sempre foi de Deus.

 

"Hoje minha filha descansou. Hoje ela se encontra nos braços do pai. Então, eu não tenho nem palavras. Na realidade, eu não pedi (minha filha). Ela só era emprestadaEla não era minha, ela era do nosso Pai. Quando nós servimos a esse Deus, tudo está no controle em nossa vida. É ele quem nos dá forças. Eu só estou aqui de pé porque existe um Deus e eu sirvo a ele em espírito e em verdade. É ele quem me fortalece, mas não é fácil, eu sou mãe, como todas", relatou.

FUTURO BRILHANTE

Lúcia também contou que Débora cursava direito e que tinha tudo para ter sucesso em sua vida, mas que estava sendo ameaçada.

"Minha filha tinha um futuro brilhante pela frente. Minha princesinha. Minha filha era um amor de pessoa, mas estava sendo ameaçada", falou.

SEPULTAMENTO

O sepultamento de Débora deve acontecer por volta das 11h desta quinta-feira (19) no Cemitério Parque dos Arcos, em Caruaru. 

INVESTIGAÇÃO

A principal linha de investigação da polícia é feminicídio. "Abalou todo mundo. Todo mundo que trabalha com segurança pública. É um jovem, infelizmente por conta de fatores que a gente ainda vai precisar avaliar no decorrer da investigação, acabou acontecendo essa tragédia", lamentou o delegado.

O CRIME

crime ocorreu por volta das 7h30 da manhã da quarta-feira (18) em Indianópolis, em Caruaru.

De acordo com informações da Polícia Civil, o policial militar, integrante do Biesp, Alef David da Silva, de 23 anos, matou a ex-namorada Débora Siqueira de Arruda, de 21 anos, com um tiro, e depois se matou.

Alef e Débora tiveram um relacionamento de aproximadamente 1 ano. Eles estavam em processo de separação, mas Alef não aceitava o fim da união.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








.

LIGUE E PARTICIPE

081 3522-1356

Visitas: 60273
Usuários Online: 8
Copyright (c) 2022 - Rádio Ponte FM 98.5 - Radio Ponte FM 98.5 Fone: 81-3522-1356 Endereço: Rua João Paes Barreto 42a Alto do Sol, Ponte dos Carvalhos, Cabo de Santo Agostinho-PE